As prefeituras de Quixadá e de Banabuiú, onde serão realizados carnavais populares no Sertão Central e está prevista as maiores concentrações de foliões na região, definiram com o comando do 9º Batalhão da Polícia Militar (9ºBPM) e com a Polícia Civil as estratégias de segurança a partir desta sexta-feira (9), se estendendo até a quarta-feira (14) de cinzas. O objetivo é garantir a paz para quem quiser participar da festa.

Em Quixadá, o acesso à Praça José de Barros, no Centro da cidade, será rígido. Além das barreiras em todas as vias de acesso ao local, haverá vistoria minuciosa. Também será proibida a entrada com vasilhames e copos de vidro. A opção para as bebidas alcoólicas, será condicioná-las em recipientes de plástico. Uma torre de observaçãoserá montada.

Além das rondas realizadas por equipes do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), diuturnamente, principalmente nas áreas consideradas mais críticas, a Polícia Civil estará de plantão, incluindo a realização de investigações mais específicas no combate a qualquer articulação criminosa.

Praticamente o mesmo modelo será aplicado em Banabuiú, explicou o prefeito Edinho Nobre, ressaltado que além do reforço na segurança, a vistoria de acesso ao corredor da folia será rigorosa. Isopores e coolers serão permitidos, mas sem vasilhames de vidro, após minuciosamente examinados. O acesso será gratuito.