Firmino marca contra o México
Único nordestino no elenco da seleção brasileira que disputa a Copa do Mundo da Rússia, o atacante Roberto Firmino é hoje o destaque entre os jogadores reservas da seleção brasileira e a principal opção para o técnico Tite mudar as partidas. Com o jejum de gols do titular Gabriel Jesus, cresce a pressão para que ele ganhe a posição de titular.
Alagoano de Maceió, Firmino fez grande temporada pelo Liverpool, da Inglaterra. Na estreia do Brasil, contra a Suíça, ele entrou aos 34 do segundo tempo, no lugar de Gabriel Jesus. Em campo, levou perigo como o atacante do Manchester City não havia conseguido nos 79 minutos anteriores.
Contra a Costa Rica, ele entrou aos 23 do segundo tempo, no lugar de Paulinho. Em busca da vitória, Tite manteve Firmino e Jesus em campo, até o Brasil marcar o primeiro gol, já nos acréscimos. Então, Jesus saiu para entrada de Fernandinho.
No terceiro jogo, contra a Sérvia, Tite foi obrigado a fazer alteração nos primeiros minutos, com a contusão de Marcelo. Com uma substituição a menos, Firmino não entrou em campo pela única vez na Copa até aqui.
No jogo desta segunda-feira, 2, contra o México

, Firmino entrou aos 41 do segundo tempo e fez aquilo que Jesus ainda não conseguiu nesta Copa: gol, em jogada que começou com Fernandinho e teve grande participação de Neymar.

Estados natais
Firmino é o único dos 23 convocados que não nasceu em estados do Sudeste ou Sul. São Paulo tem a maior representação, com nove jogadores. Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro têm quatro jogadores cada.
 
Confira onde nasceu cada jogador a equipe de Tite:
São Paulo – 9
Casemiro
Ederson
Fagner
Gabriel Jesus
Geromel
Marquinhos
Neymar
Paulinho
Willian
Rio Grande do Sul – 4
Allison
Cássio
Douglas Costa
Taison
Rio de Janeiro – 4
Marcelo
Philippe Coutinho
Renato Augusto
Thiago Silva
Minas Gerais – 2
Danilo
Fred
Paraná – 2
Fernandinho
Miranda
Alagoas – 1
Roberto Firmino
Santa Catarina – 1
Filipe Luís